Conecte-se conosco

Governo

Retaliação: Governo mira senadores que votaram contra a reforma trabalhista

O Governo sinaliza para uma retaliação aos senadores.

Publicado

no dia

Após derrota na Comissão de Assuntos Sociais no Senado, o Governo sinaliza para uma retaliação aos senadores que votaram contra a reforma trabalhista. A informação é da coluna Painel, da Folha de São Paulo.

A demissão de dois apadrinhados do senador Hélio José (PMDB-DF) foi o primeiro tiro de advertência. Na última quarta-feira (21/06),o Planalto começou a mapear outros cargos ocupados por indicados do peemedebista e também pelo PSDB e PSD, num aviso de que os votos contrários às novas regras dados por Eduardo Amorim (PSDB-SE) e Otto Alencar (PSD-BA) também serão retaliados. Novos cortes podem ser feitos a depender do comportamento da base na Comissão de Constituição e Justiça e no plenário.

Deixe seu comentário
Publicidade
Publicidade

Facebook

Mais Lidas