“Enquanto A Oposição Pensa Em Eleição E Em Voto, Eu Penso Em Salvar Vidas”, Diz Edvaldo

Veja também

O prefeito de Aracaju Edvaldo Nogueira (PDT) fez um balanço das ações da prefeitura no combate à pandemia do coronavirus na capital.

Em entrevista na manhã desta segunda-feira (08) Edvaldo disse que “já investimos R$7 milhões de recursos próprios na saúde para enfrentamento ao coronavírus. Com recursos do Governo Federal, foram R$9 milhões até agora. Querem criar fake news, mas todos os dados estão em nosso portal da transparência. Isso mostra o nosso compromisso”, afirmou.

Edvaldo fez questão de ressaltar a importância do isolamento social para que não haja um colapso na saúde públicia. “É hora de união e de cada um pensar no próximo. Pensar naqueles que estão com a doença, nos que estão sendo tratados em leitos de enfermaria ou UTI, e nos que perderam um ente pela Covid-19. Cada um deve fazer sua parte para que o vírus não se prolifere com velocidade”, explicou Edvaldo.

Durante a entrevista, Edvaldo foi questionado sobre a possibilidade do município conceder auxílio por conta da pandemia. O prefeito explicou que “os municípios não tem possibilidade de criar um auxilio emergencial municipal por conta da queda de arrecadação. Não temos de onde tirar recursos. Poucas cidade fizeram e é por isso esta é uma responsabilidade do Governo Federal, que é o ente que tem mais recursos”, afirmou.

Sobre as eleições municipais, Edvaldo Nogueira afirmou que “como não estou pensando em eleição, as declarações da oposição não me abalam porque são eleitorais. Respeito a adversidade e cada um tem direito a falar o que quiser. Teremos a hora certa de discutir isso, mas ela não é agora.  O tema principal é o coronavírus”.

O prefeito aproveitou e reafirmou que não está conversando sobre política e que o momento é de atenção ao combate ao coronavírus. “Não tenho conversado com ninguém sobre eleição. Não é hora de se preocupar com isso. Quem tem responsabilidade com a população, deveria colaborar no combate ao coronavírus. Enquanto a oposição pensa em eleição e em voto, eu penso em salvar vidas”.

Na entrevista, o prefeito voltou a pedir união de esforços para o combate ao coronavírus. “É hora de união, de pensar em quem está doente, em quem está sofrendo financeiramente, mas para isso, é preciso que as pessoas desçam de seus pedestais, parem de pensar em si. Precisamos nos unir, trabalhar conjuntamente. O coronavírus não escolhe cor, ideologia, religião, sexo, nem classe social. Tem pessoas que passam o dia falando sobre a atuação dos outros, mas são incapazes de agir pela coletividade. E isso é fundamental. É hora de darmos as mãos”, enfatizou.




Ele aproveitou e rebateu as críticas que vem recebendo, afirmando que “tem políticos que só falam, como se pudesse fazer tudo, mas quando chegam nos cargos, não fazem. Eu sou daqueles que fazem e tenho consciência da mudança que fizemos em Aracaju. Todo mundo lembra dos problemas encontrados e vê a nova realidade da prefeitura de Aracaju”, disse.

Com informações do Jornal da Fan/Faxaju

DEIXE SUA OPINIÃO AQUI

Related Posts

Próxima Notícia

Últimas Notícias

Bem-vindo!

Entre em sua conta abaixo

Create New Account!

Fill the forms bellow to register

Recupere sua senha

Digite o nome de usuário ou e-mail para recuperar a senha